Receita

Esse é um bolo BEM brasileiro e excelente para o momento do cafezinho…

De consistência puxa-puxa, pode ser servido direto na forma, pirex ou tabuleiro onde foi assado.

Na sua versão mais original é naturalmente sem glúten.

E após substituir o leite e a manteiga, se torna não só hipoalergênico como também vegano.

Tradicionalmente, seria feito com o aipim ralado.

Mas, como a vida moderna é tão corrida, podemos facilitar este passo.

Basta congelar o aipim já limpo. Quando for usar, degelar dentro da geladeira e bater no processador.
Quando o aipim é degelado, ele fica mais macio e fácil de processar.


Bolo de Aipim (Macaxeira)
Bolo simples de aipim, feito de forma tradicional, com a substituição de poucos ingredientes. Excelente para o cafezinho da tarde...
Porções Tempo Preparação
12 Fatias 20 minutos
Tempo Cozedura
40 minutos
Porções Tempo Preparação
12 Fatias 20 minutos
Tempo Cozedura
40 minutos
Bolo de Aipim (Macaxeira)
Bolo simples de aipim, feito de forma tradicional, com a substituição de poucos ingredientes. Excelente para o cafezinho da tarde...
Porções Tempo Preparação
12 Fatias 20 minutos
Tempo Cozedura
40 minutos
Porções Tempo Preparação
12 Fatias 20 minutos
Tempo Cozedura
40 minutos
Ingredientes
Instruções de preparação
  1. Pré-aquecer o forno a 180ºC e untar a forma com óleo, passando um papel toalha para espalhar melhor a gordura. Se há a desconfiança que o forno não esteja na temperatura indicada, sempre é possível usar o recurso do termômetro próprio para seu tipo de forno.
  2. Bater o aipim no processador. Para facilitar, o aipim já limpo pode ser congelado dois dias antes. Quando for usar, degelar dentro da geladeira de um dia para o outro e bater no processador. Assim ele fica mais macio e fácil de processar.
  3. Misturar o leite de coco e a água ao aipim.
  4. Misture o restante dos ingredientes: margarina, açúcar e coco ralado.
  5. Levar ao forno por 40 minutos, ou até que a superfície comece a ficar dourada.
Compartilhar
Tags:

Sílvia Hippert

    • Sílvia Hippert Diz:

      Viviane,

      Acho que eu tentaria com a gordura de palma.
      Não é fácil de achar, mas nesses casos a consistência da gordura me parece garantir a estrutura do bolo.
      Se você tentar com a gordura de coco, talvez valha a pena diminuir um pouco a quantidade.

      Quanto ao açúcar, eu preferiria substituir pelo demerara ou pelo açúcar de coco, pois o mascavo tem o sabor mais ativo e ia se sobrepor ao sabor do aipim.
      Para usar o demerara, bata ele em um processador para ele ficar mais fino e se dissolver mais facilmente.

      Depois conta pra gente se ficou bom!

      Abraços,
      Sílvia

  1. Fabiana Medeiros Diz:

    Sílvia,

    Esse bolo é muito gostoso, fizemos muito ele aqui em casa! Por aqui, restrição pra ovos, leite, trigo, soja, dentre outros, então estou sempre procurando receitas novas.
    Obrigada por compartilhar!

    • Sílvia Hippert Diz:

      Fabiana,
      Que legal!
      Estou fazendo muitos testes com farinhas sem glúten.
      E como já temos mesmo que substituir leite, ovos e soja, espero conseguir boas coisas sem estes ingredientes.
      Fica de olho na página que em breve vamos publicar estas receitas.
      Um grande abraço,
      Sílvia

  2. andrelina Diz:

    Boa Noite Silvia.
    Eu não uso a margarina pois na composição pode haver óleo de soja . Qual a medida para o óleo de coco ou a gordura de palma posso usar para essa receita?
    Grata,

    • Sílvia Hippert Diz:

      Andrelina,
      Ainda não tentamos essa substituição.
      Mas acho que seria a mesma quantidade para a gordura de palma.
      Se for tentar com o óleo de coco, talvez seja necessário diminuir um pouco a quantidade de água, para não ficar líquido demais.
      Depois conte pra gente como ficou!
      Abraços,
      Sílvia

  3. Stephanie Nunes Diz:

    Oi Sílvia! Fiz algumas adaptações pois não possuo processador nem balança. Ralei o aipim no ralador mesmo, as medidas fui colocando (para meia receita) no olhômetro e anotando, ficaram assim: 3 x de aipim ralado, ¾ x de açúcar, ½ x de leite de coco caseiro, 1 ½ cs de manteiga, 1 x de coco ralado. A textura do meu bolo ficou bem diferente do seu, mas ficou bem gostoso, eu e as formiguinhas daqui aprovamos, Contudo cogito a possibilidade de fazer com mais coco da próxima vez, pois percebi que na parte de cima (onde o coco se concentra mais) o bolo ficou mais firme.

    Sempre caio aqui procurando receitas veganas e agora sem glúten também, mas essa é a primeira que faço (e pretendo fazer outras, como o suspiro com aquafaba, que descoberta!) Gostaria de sugerir, que indique a quantidade dos ingredientes também em xícaras e colheres, pois ajudaria muito pessoas que não possuem balança culinária como eu.

    • Sílvia Hippert Diz:

      Stephanie, Sugestão anotada! Vou procurar sempre fazer a medida correspondente em colheres e xícaras. Obrigada pelo retorno. Abraços, Sílvia

    • Sílvia Hippert Diz:

      Obrigada, Domitila! Sempre queremos estreitar nosso contato com nossos amigos veganos pois achamos muitos pontos em comuns entre os alérgicos e os veganos e aprendemos muito lendo sobre as possibilidades variadíssimas do mundo vegano!
      Um abraço,
      Sílvia.

    • Sílvia Hippert Diz:

      Luciana,
      Na marmita? Que ideia genial!
      Acho mesmo que depois de um dia deve ser conservado em geladeira. E acredito que dê super certo esquentar novamente antes de consumir.
      Um abraço! Silvia

  4. Marina Rodrigues Diz:

    Olá Sílvia,

    Estou adorando seu blog. As receitas são praticas e facilita muito o dia a dia. Obrigada por compartilhar conosco.

    Uma pergunta: posso substituir a margarina sem elite por Ghee (a manteiga clarificada)?

    Abs

    Marina

    • Sílvia Hippert Diz:

      Marina,
      Que bom que você está gostando!!
      Se você não tem alergia às proteínas do leite, pode substituir sem problemas.
      Abraços!
      Sílvia

  5. Monica Diz:

    Oi. Fiz agora a receita e não deu certo. Ficou com muito gosto de margarina e muito gorduroso. Precisei assar por quase duas horas porque borbulhava gordura. Coloquei 200 gr de becel azul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>